Piano

·    FORMADORES

EMANUEL BRUNIDO

Estudou Piano no Instituto Gregoriano de Lisboa de 1983 até 1987, onde concluiu o Curso Geral e Formação Musical e o Curso de Composição. Em 1988 entra para a Escola Superior de Composição de Lisboa, onde estudou Composição Livre. Posteriormente, estudou Piano na escola de Música do Hot Clube de Jazz de Lisboa, com Bernardo Sassetti, e mais tarde particularmente com o Pianista Mário Laginha.

O seu percurso de Músico caracteriza-se pela diversidade de experiências nas mais variadas áreas musicais. No ensino, tem leccionado secularmente como professor de Piano e Formação Musical em várias escolas e centros culturais, e em Escolas Técnicas ligadas às novas tecnologias de produção, criação e edição de música, como a Escola Técnico-Profissional de Artes e Música de Almada, e na Escola Técnica de Imagem e Comunicação(ETIC).

Foi membro da Banda Ravel no ano de 1993 e 1994, onde gravou o seu primeiro Projecto de Originais para a Editora Polygram. Posteriormente tem acompanhado como Teclista vários artistas e grupos de Rock e Pop, ao longo do seu percurso, como por exemplo os Cantores, Paulo de Carvalho, Janita salomé, Vitorino, Sara Tavares, Maria Leon, Olga Sotto, a Banda Polo Norte como músico convidado, entre outros. De uma forma assídua acompanhou o Canto-Autor Sérgio Godinho como Pianista durante os anos de 1994 até 2000.

No ano de 2010 compôs a Banda Sonora e os arranjos das Canções para a Colecção Portugal 10 Séculos 10 Histórias” distribuída pelo Jornal Expresso, através das Empresas Constroisons e Zero a Oito. Em 2011 a convite da empresa 3HComunicação, compõe o seu primeiro trabalho Orquestral, compondo e escrevendo as Canções e a Banda Sonora para o Projecto Doce Gotinha” uma história musicada para crianças que inclui um CD-Livro sobre o Ciclo da Água, com a participação da cantora Maria João com intérprete, promovida pelos SMAS de Oeiras e Amadora. Ainda no mesmo ano compõe as Canções e a Banda Sonora para um segundo Projecto Infantil, também com arranjos Orquestrais, para a História O Armazém dos Milagres.

Em homenagem ao Músico-Compositor José Afonsono ano das comemorações do 25º aniversário da sua morte(2012), através de um trabalho fortemente personalizado, compõe por iniciativa própria 11 Arranjos para Ensemble Orquestral e voz intérprete, de canções representativas da sua obra, propondo uma nova forma de o ouvir.

 

INÊS ANTUNES

Concluiu o curso de Piano na Escola de Música do Conservatório Nacional (EMCN) bem como a Licenciatura em Ciências Musicais e o Mestrado em Ensino da Educação Musical no Ensino Básico. Actualmente lecciona as disciplinas de Piano e Formação Musical. Frequenta também a Licenciatura em Música – Direcção Coral e Formação Musical, – da Escola Superior de Música de Lisboa, tal como o curso de Canto (EMCN).

 

MARINA DELLALYAN

Nasceu em Yerevan, capital da Arménia. Iniciou os seus estudos musicais com 4 anos com o seu pai que era compositor, musicólogo e pianista.

Com 6 anos de idade entrou para Escola Central Especializada i Integrada para crianças dotadas em música Piotr Ilich Tchaikovsky. Estudou com a professora Ofelia Petrossian, que era uma das grandes herdeiras de Escola pianística russa, discípula de Konstantin Igumnov. Mais tarde estudou com Willy Sarkissian, que na sua altura tinha sido aluno de Vladimir Safranitsky.

Participou em inúmeras actividades da Escola como solista e em naipe de Música de Câmara na cidade natal, em várias localidades da Arménia e Repúblicas da antiga URSS. Obteve classificação máxima no fim da Escola Secundária.

No ano 1981 foi admitida no Conservatório Superior Estatal Nacional de Komitass. Acabou o curso de Licenciatura, duração de 5 anos, com as qualificações de Solista de Música de Câmara, Professora de Piano e Acompanhadora. Mais tarde, jáem Lisboa, concluiu o Curso de Mestrado em Ensino de Música na Escola Superior de Musica, sob orientação do professor Jorge Moyano.

Obteve a Prémio de Melhor Interpretação de Música Contemporânea, organizado pela União dos Compositores da Arménia. Com o Trio Komitassganhou o prémio Melhor programa Musical ao Vivo da TV Nacional do ano 1985. Começou a sua actividade profissional no ano 1986 como professora de piano na Escola de Música e Arte nº1 de Yerevan. De 1986 até1993 foi acompanhadora no Teatro Académico de Opera e de Bailado Spendiaryan de Yerevan.

De 1993a 1995 foi professora de piano na Escola Central de Arte Coral de Moscovo.

A partir de 1995 mudou de residência para Portugal e recomeçou a sua actividade pedagógica na Escola de Música Nossa Senhora do Cabo, em Linda-a-Velha, onde continua a leccionar atéa data. Foi docente no Conservatório de Música em Castelo Branco, Santarém e Almada.

Nos anos 1996 a 2000 foi pianista convidada do Coro Gulbenkian, como pianista-correpetidora, e com Orquestra Gulbenkian, como solista. Actuou com maestros Micael Zilm, Michel Corboz, Muhai Tang, Cláudio Simone, Michael Kagel, entre outros.

A outra orquestra com quem colabora éa Orquestra Sinfónica Portuguesa e Coro de Teatro Nacional São Carlos.

Entre vários projectos artísticos destacam-se a colaborações com o Teatro Aberto, Coro de Câmara de Universidade de Lisboa. Entre diferentes trabalhos realizados destyaca-se o Requiem de Lopes Graça e concerto dedicado aos 100 anos de nascimento do compositor, com o Maestro Jean-Sebastian Bereau.

Na Companhia de Ópera Portuguesa participou em várias edições de Festivais de Sintra com a produção de óperas de Madame ButterflyToscade Giacomo Puccini e LElisir damorede Gaetano Donizetti com a Direcção musical de Maestro Giovani Andreoli.

Foi convidada como pianista para Festival Bienal de Munich para colaboração com o Teatro Musical Amazónia.

Foi convidada para acompanhar as Masterclasses de Canto, violino, violoncelo com professores Liliana Bizineche, Maria JoséFalcâo, Levon Mouradian, Paulo Gaia Lima. Foi pianista acompanhadora em 25ªe 26ªedições de Prémio Jovens Músicos.

 Foi professora convidada de Curso de Verão no Teatro Gil Vicente em Cascais organizada pela Câmara Municipal. Orientou as Masterclasses de piano no Conservatório de Guarda, Conservatório de Funchal, na Escola de Música São Teotónio de Coimbra.

Tem efectuado concertos como solista e de música de câmara em Los-Angeles, Nova York, Paris, Praga, Moscovo, Novosibirsk, Ferrara, Modena, Madrid, Ulmeo, Lisboa, Porto, em várias localidades dos Açores e da Madeira. 

Foi convidada pela Fundação Americana SOROS como solista de Orquestra de Câmara Estatal de Arménia para concertos e filmagem de Concerto para piano e orquestra Topophonode compositor Harutyun Dellalian.  Participou no Festival Retrospectiv organizado pelo Ministério de Cultura da Arménia.

Fez gravações para programas de TV e Rádio da Arménia, Portugal (Antena 2, RTP1 e RTP2), EUA (Horizon) e Canadá(Panorama).